terça-feira, 19 de abril de 2016

Resenha da Antologia Grandes Contos de H.P. Lovecraft da Editora Martin Claret



O interesse pela obra do escritor norte-americano H.P. Lovecraft cresceu muito nos últimos anos.

Não é de hoje que "o Criador do Horror Cósmico", deixou o anonimato que marcou sua vida, e passou a ser respeitado pelas suas fantásticas criações. Levou tempo, mas enfim, Lovecraft alcançou uma popularidade que ele mesmo, em vida, provavelmente jamais julgasse possível. Um autor, na melhor das hipóteses, subestimado em sua época, Lovecraft morreu na pobreza, quase desconhecido e praticamente esquecido. Publicado exclusivamente em revistas pulp, foi redescoberto décadas após a sua morte precoce aos 49 anos. Hoje ele é considerado um dos mais influentes autores do gênero Horror Fantástico.

Lovecraft e suas criaturas bizarras estão em todo canto: em filmes e séries, em video games, jogos de RPG, cartas e de tabuleiro, citado de forma recorrente no universo dos quadrinhos, na músicas e nas mais variadas mídias. Ele deixou de ser um autor de nicho e gradualmente fez a transição para o mundo das celebridades cult. Como negar a influência de Nyarlathotep, Shub-Niggurath, Yog-Sothoth e principalmente o Grande Cthulhu - monstros de nomes impronunciáveis, que galgaram as escadas rumo ao reconhecimento como personagens ilustres, parte de uma mitologia própria que a cada dia ganha mais fãs e se renova.


Contudo é curioso: Ainda que a fama de Lovecraft continue a crescer, não são muitos os que tiveram acesso a obra completa do autor. Conhecem, é claro, algumas de suas estórias mais famosas, aquelas que despontam como verdadeiros clássicos do gênero, mas desconhecem a extensão de sua bibliografia.

Lovecraft é um expoente do gênero. Não é exagero considerar que ele está no mesmo patamar de Edgar Alan Poe, Sheridan Le Fanu, Lorde Dunsany, Arthur Machen que o inspiraram e de autores modernos como Stephen King, Neil Gaiman, R.R. Martin e Clive Barker que reconhecem sua importância e que se dizem inspirados por ele. Lovecraft é essencial para todo fã e qualquer fã de horror.

Vou mais longe:: Uma coleção de livros de horror que se preze, jamais estará completa sem ao menos um título de H.P. Lovecraft. Mas muito melhor, é ter na prateleira uma antologia inteira dedicada a este célebre autor.


Lá fora, existem diferentes opções de antologias (verdadeiros tomos com mais de 1000 páginas) reunindo os principais contos, novelas e poesias de Lovecraft. São livros com edições incrivelmente caprichadas, à altura da importância do autor e de sua obra. Eu posso citar a excelente antologia "Necronomicon" da Golancz, a edição "The Complete Fiction" da Barnes & Noble e o "The New Annotated H.P. Lovecraft" lançada no ano passado pela Liveright. Todas elas são muito boas e altamente recomendadas, contudo o leitor brasileiro esbarra em uma série de obstáculos para colocar suas mãos nesses volumes, desde o preço (em dólar), passando pela própria compra que deve ser realizada em uma loja estrangeira (frete, local de entrega, cartão internacional, etc.). 

O principal problema, contudo, diz respeito a barreira do idioma. Nem todos os leitores tem a facilidade de saber inglês, e mesmo os que sabem, enfrentam alguns percalços, já que o estilo da prosa de Lovecraft por vezes se mostra complexa, cheia de adjetivos e termos rebuscados. Quando li Lovecraft pela primeira vez, muitos anos atrás, precisei de um bom dicionário e mesmo assim, tive dificuldade em compreender tudo.



Lovecraft, é claro, já foi publicado no Brasil, em edições com altos e baixos, mas nunca tivemos algo parecido com as imponentes Antologias que incluem seus trabalhos considerados fundamentais. É por essa razão que o lançamento de "Grandes Contos", pela Editora Martin Claret deve ser festejado por todos os fãs e entusiastas da obra do digníssimo "Cavalheiro de Providence".

E imponência é o que não falta! O livro é um tremendo volume com capa dura e quase 1200 páginas reunindo as principais obras de Lovecraft ao longo de sua carreira.

Nessa antologia, o leitor encontrará os obrigatórios contos "The Call of Cthulhu", "Whisperer in the Darkness", "The Dunwich Horror", "The Shadow out of Time", "Dagon", além de estórias mais longas, no formato de novela, como "The Dream Quest of Unknown Kadath", "Mountains of Madness" e "The Case of Charles Dexter Ward". Também poderá conferir alguns contos menos conhecidos de Lovecraft, muitos dos quais escritos no início de sua carreira, como "The Tree", "Old Bugs" e "The Book", inéditos no Brasil.



Além dos contos, o leitor também terá acesso a "History of the Necronomicon" (um ensaio a respeito do mítico tomo profano criado por Lovecraft) e o notável "Supernatural Horror on the Literature" uma genial análise sobre o gênero Horror Fantástico.

A seleção inclui nada menos do que 46 trabalhos que cobrem várias fases do autor: a fase voltada ao horror gótico, a que se concentra na construção do Horror Cósmico, o Ciclo dos Sonhos e a fase que nos brinda com um misto de Horror e Ficção Científica. Mais do que apresentar o autor a novos leitores, a antologia permite conhecer as muitas facetas de H.P. Lovecraft e seu inquestionável talento como contador de estórias.

A introdução de Daniel I. Dutra se encarrega de esclarecer aos leitores quem foi H.P. Lovecraft, chamado por ele de "o homem que reinventou o horror". A apresentação cumpre seu propósito, sendo perfeitamente informativa, sem ser didática, o que a tornaria chata.  

A tradução do material ficou à cargo de uma equipe experiente formada por Alda Porto, Lenita Rimoli Esteves, Vilma Maria da Silva e Paulo Cezar Castanheira. Na minha opinião, o trabalho deles foi muito feliz. Como eu disse, traduzir Lovecraft não é das tarefas mais fáceis, mas o grupo cumpriu seu trabalho à contento e os poucos deslizes (compreensíveis em uma obra desse tamanho!) não comprometem em momento algum o curso da leitura. Pelo contrário, gostei da forma como várias estórias foram traduzidas em especial "O Horror de Dunwich" e "A Sombra sobre Innsmouth" que sempre são um desafio, dada a grande quantidade de gíria presente. De um modo geral, a leitura flui tranquila, e não me recordo de ter encontrado nada na tradução que tenha me chamado a atenção negativamente. E isso, em se tratando de tradução é um ótimo sinal!




Falando do livro em si, é preciso render elogios à parte gráfica e diagramação.

Algumas antologias são editadas com papel muito fino, o que me incomoda um bocado na hora de virar as páginas - acidentes por vezes acabam acontecendo, o que dói no meu coração bibliófilo. Felizmente, o mesmo não acontece na edição brasileira. Apesar de ser uma edição robusta, as páginas tem uma boa gramatura. Outra coisa que me chamou a atenção foi a escolha de um papel com um tom amarelado meio envelhecido, com um toque esverdeado nas bordas. Imagino que essa escolha tenha sido proposital, uma espécie de tributo aos "tomos ancestrais" transbordando com "conhecimento febril e doentio" manifestado respectivamente no tom amarelado e esverdeado.

O livro não possui ilustrações ao contrário de algumas antologias estrangeiras, mas isso não constitui um demérito. Ilustrações seriam bem vindas, mas compreendo que a adição delas aumentaria ainda mais a extensão do livro. Em compensação, a primeira página de cada estória possui sobre o título uma silhueta tentacular que sem dúvida se refere ao Grande Cthulhu.

Grandes Contos tem uma encadernação imponente com capa dura que fica simplesmente linda na estante. A escolha da capa é de bom gosto, recorrendo uma vez mais aos tentáculos e um desenho agradável. Eu só achei o texto do verso pouco informativo, voltado mais para quem já conhece o autor, uma vez que não se preocupa em enaltecer sua importância além de uns poucos elogios. Uma foto de Lovecraft no verso (ao invés de um desenho) também seria mais interessante, contudo, não é nada que comprometa a imagem geral.



A Martin Claret fez um gol de placa com o lançamento dessa fantástica antologia, trazendo para o Brasil um volume único que reúne o melhor de H.P. Lovecraft. 

Altamente recomendado para fãs de longa data e para aqueles que desejam descobrir o horror dos Mitos Ancestrais.

Ah sim, antes que perguntem, aqui está a lista completa dos contos presentes na antologia. Os contos mais conhecidos de Lovecraft estão presentes, com a lamentável ausência de "Herbert West - Reanimator" e de "Pickman`s Model", duas estórias importantes que podiam figurar na lista a seguir.

A fera na caverna
O alquimista
A tumba
Dagon
Além da smuralhas do sono
Old Bugs
A transiçãod e Juan Romero
A Nau Branca
A Rua
A maldição que atingiu Sarnath
A árvore
Os gatos de Ulthar
Do além
Nyarlathotep
O pântano da Lua
Os outros deuses
A música de Erich Zann
Hipnos
O que vem com a Lua
Azathoth
Entre as paredes de Eryx
O cão de caça
O medo à espreita
O festival
Debaixo das Pirâmides
O horror em Red Hook
O chamado de Cthulhu
A chave de prata
A estranha casa alta na névoa
A busca onírica da desconhecida Kadath
O caso de charles Dexter Ward
A cor que veio do espaço
O descendente
A história do Necronomicon
O povo antigo
O horror em Dunwich
Nas montanhas da loucura
A sombra sobre Innsmouth
Através dos portais da chave de prata
O perverso clérigo
O livro
A sombra vinda do tempo
O Assobrador das trevas
O navio misterioso
O horror sobrenatural na literatura

O livro está saindo por 129 reais (ou um pouco menos mediante uma busca) e pode ser adquirido através da loja online da Editora:

Editora Martin-Claret


-Ou através de lojas online:

Amazon Brasil

Saraiva

Livraria da Cultura

10 comentários:

  1. muito bom,e uma boa forma de adquirir conhecimento sobre o cthulhu mythos

    ResponderExcluir
  2. Você avaliou ou tem a edição da Editora Clock Tower? http://sitelovecraft.com/editora/novidades/

    ResponderExcluir
  3. Muito boa essa edição, porém não achei nada legal colocar os nomes dos contos em inglês já que o livro está em português, se fosse pra ver em inglês, bastava pegar o meu livro e ler,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os nomes dos contos não está em inglês no livro. Eu tenho ele.

      Excluir
  4. Fantásticas essas historias..ja tiver a opotunidade de ler varias recomendado o livro vou compra.

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Parabéns pela resenha. Mas o conto "The Book" já foi lançado pela coletânea "A Tumba e outras histórias" da L&PM. O conto "The Tree" foi lançado no livro "A Maldição de Sarnath" da editora Iluminuras. Abraços.

    ResponderExcluir
  7. ta por 36 na saraiva hoje se vc comprar um cd junto (comprei um cd de 1,99) haha só para usar a promoção

    ResponderExcluir
  8. Comprei à R$28,00 com o saraiva premmia q dá 15% de desconto haha

    ResponderExcluir